Uma viagem flutuante

Quem nunca viu um navio de cruzeiro e pensou, "queria estar ali", que se acuse. Uma viagem num destes navios é o sonho de férias de muitos e são cada vez mais uma aposta para quem quer ter todo o conforto e diversão ou para quem quer relaxar sem preocupações, ao mesmo tempo que tem a possibilidade de visitar várias cidades de uma só vez.

A bordo do MSC Magnífica, em Lisboa, a MSC Cruzeiros apresentou as suas novas apostas para os próximos dois anos e são de ficar de queixo caído. Podem ver todas as propostas aqui mas, de todas, há duas que me deixaram especialmente entusiasmada.

Em 2019, a maior companhia de cruzeiros privada do mundo terá em navegação o MSC Bellissima, com capacidade para mais de 50 mil passageiros, vários restaurantes e bares temáticos e ainda dois espetáculos inéditos da companhia Cirque du Soleil, a grande aposta da MSC Cruzeiros no que toca ao entretenimento a bordo.

Mas as novidades não ficam por aqui. Pela primeira vez a empresa vai apostar numa volta ao mundo, com a duração de quase 4 meses e que irá passar pelo Havai, Colômbia, Caraíbas, Bora Bora e Nova Zelândia, entre muitos outros locais. O preço, esse é que não é – mesmo – para todos: será preciso desembolsar mais de 20 mil euros por camarote mas, mesmo assim, a lotação desta primeira viagem já está quase esgotada e são cerca de uma centena os portugueses que vão embarcar nela.

O difícil será escolher a viagem a realizar e ter vontade de sair destes gigantes flutuantes. Para quem está a planear a sua próxima viagem e se uma viagem de cruzeiro é tudo o que sempre sonhou, estas são, sem dúvida, propostas a ter em conta.